segunda-feira, 4 de outubro de 2010

plus-size, plus-sexy






Hoje o Colírio Nerd tá menos engraçadinho e mais sério. Depois de ver que o Serra foi para o segundo turno, a seriedade tomou conta desse blog (que é totalmente parcial, pelo menos quando assinado por mim, risos). Hoje, as nossas Colírio Nerd vêm para mostrar que beleza se dá pela inteligência e pelos quilos que, para alguns são a mais, mas para nós são a medida certa.


Sim, ter mais de 1,70, estar acima do peso e calçar 41-42 (é verdade) tornam esse post bairrista, mas eu vim aqui para mostrar para vocês, seus delícios, que o borogodó plus-size ta na moda, e não é à toa.
Prova disso é que sites como o Mulherão e o Grandes Mulheres têm feito o maior sucesso por ai. Mas nós, desamélias que somos, não estamos aqui para mostrar o quanto as gatas plus-size são delícias, e, sim, para mostrar como elas ficam ainda mais delícias quando mostram o quanto sabem.
Uma breve retomada histórica, pro Botero morrer de Tesão. (dica 1, gatos, se vocês não sabem quem é Botero, parem de ler esse post e procurem se informar, tá?. Dica 2: o quadro supracolado é dele!)

CHIQUINHA GONZAGA primeira pianista de choro, primeira criadora de uma marchinha de carnaval e primeira mulher a reger uma orquestra no Brasil. Acha pouco? Foi mãe solteira numa época em que ser só mãe já era mais que difícil...

Adaptou o piano à música popular e se tornou a primeira música popular do Brasil. É, se você fica se babando porque o Chico Buarque é isso e aquilo saiba que muito do sexy-appeal nerd ele deve a Chiquinha, que não era considerada uma mulher bonita e que para os padrões atuais (loucos e insanos) seria tida como gordinha.






Enquanto você perde tempo reparando se sua bunda tem 89 ou 88 cm, TARSILA DO AMARAL arasava com um quadrilzão. Pintora, desenhista e um dos ícones da semana de 22. Casou uma vez, separou e pegou quem? Oswald de Andrade. Sem contar que ela foi sempre toda trabalhada no modernismo, na vanguarda  e nos bafafas da União Soviética. E você se achando moderna porque conheceu Brasília semana passada....








DORA FERREIRA DA SILVA, poeta e tradutora, vinculada ao movimento concretista e que ganhou muitos prêmios, tanto como poeta quanto como tradutora. Apesar de ser mais conhecida pelos trabalhos como tradutora, sua poesia vale muito a pena.








O padrão estético mudou, claro. Essas mulheres nem deveriam ser consideradas gordinhas, mas tenho certeza que a materialização delas nos dias de hoje ia classifica-las com "cheinhas", "gordinhas, e o pior de todos "fofinhas" (eu tenho cara de amofada para ser fofa?). Fofinha é a sua boneca inflável, meu querido, essas foram mulheres com curva e conteúdo.. Duas coisas tão pouco valorizadas hoje em dia....

E para provar que a beleza das plus-size e a inteligência delas não se reduzem apenas a intelectuais consagradas pela tradição (Q), segue uma plus-size, advogada, professora, tradutora e linda, Carolina Caran:



É isso ai, minha gente, eu teria muitos outros exemplos, mas quis me segurar para só dar exemplos brasileiros. Desculpem a falta de humor nesse post, mas é que o Alckmin ganhou e eu ainda tô mal. Eu e São Paulo, né. Tá, parei de falar de eleição. E pra mostrar como eu sou uma conhecedora de causa do assunto abordado, segue uma foto minha ahazando no plus-size e lendo kafka na Praia e fazendo a intelectual croquete.


9 comentários:

R. disse...

Comeria esse croquete praieiro kafkaniano fácil fácil, hein...

Rosa disse...

q

emilia disse...

quanta muieh gata minha geeeeeeente! voto nas duas ultimas =)

Lady Mayfair - Carol Caran disse...

Sinto-me honrada por figurar aqui em tão avantajada companhia, física e intelectualmente falando. Só posso dizer que a vida muda quando paramos de sofrer pelos padrões estéticos impostos e assumimos o corpão. Talvez não agrade todo mundo, mas temos nosso público.

Já falei que não tenho palavras agradecer a homenagem? Mas ninguém é paréo pra plus-size-nerd-croquete da última foto! Love u!

Thiago Jovino disse...

Que ótimo post!!! Concordo com tudo que escreveram.
Ahhhhhh!!!! A foto da Carol!!!!!! *-*
Linda demais essa moça!!!
O "plus-size" pra mim, nunca saiu de "moda"!!! rs Me desculpe as magrinhas, mas mulher de verdade pra mim tem que ter carne pra pegar! rss
Esse será mais um blog que irei visitar com frequência! Meus parabéns para as pessoas envolvidas.

Carol disse...

Gente, só pra esclarecer que a Carol do post ñ é a Carol (eu) que escreve aqui.

E, aliás, é lindona (ela, ñ eu). xD

Rosa,arrazô.

Thiago Jovino disse...

Me desculpe moça, rss a Carol que estava falando, é a Carol Caran! rs
Mas ambas são lindas sim! rs

tatiane marchi disse...

a foto da rosa é a mais bonita. =)

Alexandre Piccolo disse...

"Curvas e conteúdo" foi uma ótima expressão pra definir as mulheres de verdade, seja qual for o padrão estético, e diferenciá-las das mulheres de vácuo e vento, preocupadas com modismos do mais puro nhê-nhê-nhê. Boas lições pictóreas e literárias.